top of page
PeFrancoa(1).png

Homilia Domingo(27/08/23) - 21º Semana do Tempo Comum - A - Homilias diárias. F

Is 22,19-23; Sl 137/138; Rm 11,33-36; Mt 16,13-20


Famílias de Fé


Alguns reis de Israel eram maus, uns poucos eram bons. Ezequias foi um rei bom, que governou segundo o coração de Deus, procurando promover a religião de Israel e a independência do País. A primeira leitura de hoje, refere-se a um episódio interno ao palácio de Ezequias: o administrador do palácio real deve ser trocado, não poderá mais ser Sobna, será Eliacim (Is 22,19-23). Por que narrar um episódio tão doméstico num contexto real, portanto, muito mais importante que a vida de administradores de palácio? Porque Eliacim deve ser revestido com a túnica e levar a chave da casa de Davi, além do mais “ele terá o trono de casa de seu pai” (Is 22,23).


Semelhante ao caso de Eliacim, também a Pedro lhe foram conferidas “as chaves do Reino dos céus” (Mt 16,19), para ligar e desligar, ou seja, para “atar e desatar”, ensinar com autoridade a Palavra de Deus, sempre no contexto da fé que ele, Pedro, professou: “Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo” (Mt 16,16). Sobre esta profissão de fé, Jesus promete fundar uma família, a sua Igreja: “sobre esta pedra [a fé de Pedro], edificarei a minha Igreja” (Mt 16,18). A Igreja Católica é, portanto, uma Família de Fé, fundada na verdade de Deus.


Precisamos viver em família na Igreja. Você também, na sua casa, deve ser família, deve promover a verdade, os valores da família, a fé. Qualquer moça e qualquer rapaz, quando pensam em constituir uma família, deve fazê-lo na rocha da fé: casarem-se pela Igreja, viver segundo a fé da Igreja na vida matrimonial, educar os filhos de maneira católica. Para isto, é muito importante que os pais se formem na fé, façam cursos de doutrina, de orientação familiar, encontros de casais etc. Você se preocupa em fazer do seu lar uma pequena Igreja doméstica? Você sabia que a sua felicidade eterna depende do seu amor a Deus aqui na terra? Algo muito importante: ocupar-se com a própria formação doutrinal e moral.


Pe. Françoá Costa

Instagram: @padrefcosta

1 visualização0 comentário

Comments


Home

bottom of page