top of page
PeFrancoa(1).png

Homilia Quarta(05/04/23) - Semana Santa - A - Homilias diárias. F

Quarta-feira santa, 05/04/2023 - Mt 26,14-25

O drama da infidelidade de Judas não vale a pena


O drama de Judas continua a desenvolver à margem do grupo apostólico por mais que ele esteja inserido entre os Apóstolos do Divino Salvador. Hoje ele decidiu trair o amor de Jesus de maneira bem concreta: 30 moedas de prata, uns R$ 3 mil reais. Maria de Betânia tinha gastado com o perfume de nardo puro 300 moedas de prata, uns 30 mil reais. Vejam a diferença! Judas, além do mais, é mesquinho. Por pouca coisa, vende o Salvador. Parece que estamos voltando a assistir a história de Esaú, o torpe, que por um prato de lentilhas vendeu a sua primogenitura: conheça esta história em Gn 25-27 e veja em quão pouco se avalia o que é precioso. Não sei se Esaú era vegano, mas, sem dúvida alguma, sua decisão foi objeto de arrependimento profundo. A traição de Judas foi tão vil que o levou ao suicídio.


Para você, discípulo de Cristo, digo categoricamente: não vale a pena trair, deixar de ser cristão por coisas tão pequenas! Para você, sacerdote de Cristo, digo-o mais categoricamente ainda: não vale a pena deixar o sacerdócio por coisas tão irrisórias, mesmo que seja a mulher mais linda do Universo ou a presidência da República. É tão grandioso ser filho de Deus que não vale a pena ser traidor; é de uma dignidade tal ser Cristo para as almas no sacramento da ordem sacerdotal que qualquer coisa é simplesmente ínfima diante de tão grande honraria. Vivamos a nossa vocação com alegria, com agradecimento, com sentido sobrenatural: fomos chamados por Deus, ele conta conosco. A nossa grande ambição santa: viver e morrer em fidelidade! Deus nos ajude para que seja assim mesmo.


Pe. Françoá Costa

Instagram: @padrefcosta

4 visualizações0 comentário

Comments


Home

bottom of page