top of page
PeFrancoa(1).png

Homilia Quinta(05/01/23) - Tempo do Natal antes da Epifania | Ano A

Quinta-feira, 05/01/2023 - Jo 1,43-51

Desvendando o que aconteceu debaixo da figueira


Jesus não é de ficar elogiando muito as pessoas, porém, um dos exaltados por ele, segundo lemos no Evangelho, foi Natanael, “um verdadeiro israelita no qual não há falsidade” (Jo 1,47). O Senhor, que é a verdade (Jo 14,6), gosta daqueles que se lhe assemelham pelo amor a tudo aquilo que é verdadeiro e nobre. Natanael era tão verdadeiro que mereceu ser reconhecido por uma verdade ainda mais profunda, aquela que Jesus fê-lo lembrar quando ele estava debaixo da figueira. O que foi? Há uma tradição segundo a qual Natanael teria sido um daqueles poucos meninos, de dois anos para baixo, que escaparam quando Herodes mandara matá-los. Natanael teria sido deixado escondido debaixo de uma figueira e não o encontraram para matá-lo quando chegaram à casa de seus pais.


Verdadeira ou não a historinha acima, o fato é que nós, como Natanael, temos que ser amigos da Verdade. Faça hoje um propósito bem prático: neste ano não vou dizer nenhuma mentira e, desta forma, não serei filho do diabo, já que ele é o pai da mentira (Jo 8,44). A outra cara do amor à verdade é o ódio à mentira. Não vamos mentir para ninguém, tampouco na evangelização, isto é, não vamos prometer-lhes coisas que Deus não prometeu. O Evangelho é como é e nós temos que anunciá-lo em toda a sua divina integridade. Virão a Cristo aqueles que forem chamados por ele através de nós, seus instrumentos; que foram tocados pela sua graça, dada pelo Espírito Santo; que responderem ao seu chamado, mediante a liberdade.


Pe. Françoá Costa

Instagram: @padrefcosta

2 visualizações0 comentário

Yorumlar


Home

bottom of page